Aéreo

User Rating: 5 / 5

Star ActiveStar ActiveStar ActiveStar ActiveStar Active
 

 

Mapa Aeroviário do Brasil

 

( Créditos do mapa: Faculdade Facitec, Polo Guarulhos – SP )

 

 

Transporte Aeroviário Brasileiro

 

 

Os principais centros do país em volume de passageiros transportados são, respectivamente, São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Recife, Porto Alegre, Curitiba, Fortaleza e Manaus. Em volume de cargas, destacam-se São Paulo (incluindo-se o aeroporto de Viracopos, em Campinas - o 1° do país em carga aérea), Rio de Janeiro, Manaus, Salvador, Fortaleza, Brasília e Belo Horizonte. As principais empresas aéreas brasileiras operando em 2012 são a TAM (atual LATAM), GOL, VARIG, AVIANCA, AZUL e TRIP, no transporte aéreo regular.

 

O setor tem crescido de forma exponencial e os aeroportos brasileiros, apesar de algumas poucas melhorias, não acompanharam tamanho crescimento, deixando a desejar em muitos aspectos, mesmo depois das terceirizações por concessão. Brasília e Congonhas operam em seu limite extremo.

 

No Brasil, a operação aeroportuária é concentrada na Infraero, administradora dos aeroportos que respondem por 97% dos passageiros transportados anualmente. Qualquer empresa aérea pode operar no mercado brasileiro, que é de livre concorrência, desde que respeitados os limites operacionais de cada aeroporto e as normas regulamentares de prestação de serviço adequado expedidas pela Anac, nos termos do art. 48 da Lei nº 11.182/2005.

 

 

História da Aviação Civil Brasileira

 

 

A aviação iniciou-se no Brasil com um voo de Edmond Plauchut, em 22 de Outubro de 1911. O aviador, que fora mecânico de Santos Dumont, em Paris, decolou da praça Mauá, voou sobre a avenida Central e caiu no mar, de uma altura de 80 metros, ao chegar à Ilha do Governador.

 Fundou-se o Aeroclube Brasileiro e no ano seguinte a escola de aviação, onde o capitão Kirk aprendera a voar, este que foi o primeiro brasileiro a morrer em desastre de aviação.

 

Em 1927 seria terminada, com êxito, a travessia do Atlântico, pelos aviadores brasileiros, João Ribeiro de Barros e Newton Braga, no avião "Jaú", hoje recolhido ao Museu Ipiranga.

 

Neste mesmo ano iniciou-se a aviação comercial brasileira, A primeira empresa no Brasil a transportar passageiros foi a Condor Syndikat, no hidroavião "Atlântico". Foi fundada a Viação Aérea Rio-Grandense ( VARIG ). Durante a II Guerra Mundial a empresa Condor Syndikat Passa a se chamar Serviços Aéreos Cruzeiro do Sul ( Incorporada à VARIG na década de 80 ). Os voos internacionais começam em 1929. Em 1933 é fundada a Viação Aérea São Paulo, que assume o trecho Rio-São Paulo, o maior em termos de tráfego de passageiros.

 

Em 1960, o país tinha a maior rede comercial do mundo em volume de tráfego, depois dos Estados Unidos. Com o passar dos anos,  as empresas foram se fundindo, formando novas empresas. Empresas internacionais também passaram a atuar no mercado brasileiro. Atualmente as maiores companhias atuantes no Brasil, no setor comercial, são a GOL, LATAM, AZUL e AVIANCA.

 

 

Referências:

 

portalbrasil.net

brasil.gov.br/infraestrutura